temizlik şirketleri yangın kapısı Sindipetro realiza assembleia no dia 17 para deliberar sobre Campanha Reivindicatria - Notcias | SindiPetro-LP
FNP
rea restrita
aos Associados

Sindipetro realiza assembleia no dia 17 para deliberar sobre Campanha Reivindicatria

Sindipetro realiza assembleia no dia 17 para deliberar sobre Campanha Reivindicatria

ACT

Sindipetro realiza assembleia no dia 17 para deliberar sobre Campanha Reivindicatria

Aps muita enrolao, a direo da Petrobrs promete finalmente apresentar uma nova proposta de Acordo Coletivo de Trabalho (ACT). Segundo o RH Corporativo, a nova minuta ser divulgada at o prximo dia 10 de novembro – praticamente um ms aps sua primeira proposta, colocada em mesa no dia 14 de setembro. O objetivo claro: enrolar a categoria, apostando que o impasse negocial ir gerar desanimo entre os trabalhadores. Precisamos responder com luta!

Para deliberar sobre a nova proposta da empresa e discutir os rumos da nossa campanha reivindicatria, o Sindipetro Litoral Paulista realiza neste dia 17 nova assembleia, na sede, sub-sede e plataformas (Merluza, Mexilho e P-66). Em Santos e So Sebastio, a 1 chamada acontece s 17h30 e 2 chamada s 18 horas e 19h00, em primeira chamada, e 19h30, em segunda chamada, para os trabalhadores que esto saindo do turno da UTGCA.

A participao de todos muito importante. Precisamos avaliar e deliberar essa proposta e para isso temos que lotar as assembleias para demonstrar direo da Petrobrs que o petroleiro no aceitar nenhum direito a menos e organizarmos o futuro da categoria. A prorrogao do ACT at 30 de novembro, uma exigncia da FNP em mesa, foi um recuo importante da direo da empresa. Recuo que s foi possvel graas presso exercida pelos trabalhadores e dirigentes sindicais da federao.

Entretanto, se quisermos barrar a retirada de direitos e conquistar avanos, devemos articular uma grande mobilizao unificada e nacional. Neste sentido, o indicativo intensificar as paralisaes em todas as unidades. Convocamos tambm todos os Sindipetros, FUP e demais entidades a nos unirmos em uma s campanha!

Somente com aes conjuntas, em defesa de um acordo digno, do pr-sal e da Petrobrs, que poderemos sair dessa campanha vitoriosos, impedindo que a reforma trabalhista seja implantada em nosso ACT.
Contra a retirada de direitos e por um ACT digno! Sim, ns podemos!

Comentrios